Mãe canguru

O projeto mãe canguru, implantado em 1994 no IMIP (Instituto Materno Infantil de Pernambuco) conseguiu reduzir o índice de mortalidade na maior maternidade do Recife. O índice caiu de vinte e duas mortes por mil crianças nascidas vivas, para dezesseis em cada mil.
Por meio desse método, os médicos conseguiram ainda reduzir para dezesseis dias a média de permanência da criança no hospital – metade do tempo que um bebê prematuro precisa para deixar a maternidade.
Além da manutenção da temperatura, o método prolonga o tempo de amamentação, amplia o vínculo afetivo e reduz o risco de infecções. O método foi criado em 1979, por pediatras do Instituto Materno Infantil de Bogotá, na Colômbia.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.